Lula no palanque de Armando para governador em 2018

Pedido de Lula para partido poupar senador de críticas incomoda petistas do Estado

Época – Nonato Viegas

A despeito da defesa do senador Armando Monteiro, do PTB de Pernambuco, à reforma trabalhista – e tão rechaçada pelo PT –, o ex-presidente Lula mandou que o partido não destrua pontes com ele.

Lula acha que, na ausência de um nome forte da esquerda para a disputa ao governo estadual, terá de utilizar o palanque de Monteiro nas eleições de 2018.

Petistas pernambucanos estão incomodados.

Eles se dizem constrangidos com a contradição de apoiar alguém que teve bandeira tão contrária à do partido.

Petistas no Estado querem lançar a neta de Miguel ArraesMarília Arraes, recém-filiada ao PT. Lula resiste. Acha a vereadora fraca ainda.

Enquanto isso, a presidente do PT, a senadora Gleisi Hoffmann (PR) tirou o ex-ministro Gilberto Carvalho do Senado, onde estava como assessor parlamentar da liderança, para ajudá-la no comando do partido.

É que Carvalho conhece a máquina partidária e os caminhos do diálogo entre as diversas correntes.

Algumas delas não querem conversa com Gleisi.

Blog do Marcos Almeida:  A Notícia em Movimento

Esse post foi publicado em eleição. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s